Hospital de Cirurgia | Hospital de Cirurgia realiza palestra sobre detecção precoce do câncer de próstata
180
post-template-default,single,single-post,postid-180,single-format-standard,mkd-core-1.0.1,ajax_fade,page_not_loaded,,mkd-theme-ver-1.0.1,smooth_scroll,wpb-js-composer js-comp-ver-4.11.2,vc_responsive

Hospital de Cirurgia realiza palestra sobre detecção precoce do câncer de próstata

Hospital de Cirurgia realiza palestra sobre detecção precoce do câncer de próstata

equipe-e-funcionarios

Iniciativa faz parte das atividades da Campanha Novembro Azul

Para demonstrar a preocupação com a saúde do trabalhador, o Núcleo de Educação Permanente (NEP) do Hospital de Cirurgia, em parceria com alunos da Estácio Sergipe e com os setores de manutenção, higiene e limpeza e lavanderia do HC, organizou na tarde de hoje, 21 de novembro, uma palestra de conscientização e alerta ao câncer de próstata.

professora-tatiane-negrao-esclarecendo-duvidas

Tatiane Negrão, explica que é importante para o Hospital trabalhar a educação em saúde dos seus funcionários

A iniciativa faz parte das atividades referentes à Campanha Novembro Azul e teve como objetivo transmitir informações sobre a detecção precoce do câncer de próstata e também desmistificar o exame do toque retal, que para a maioria dos homens é um assunto delicado.

Os funcionários presentes puderam esclarecer dúvidas sobre causas, sintomas e também conheceram as ações que promovem a detecção precoce do câncer de próstata, além das ações preventivas, que são as mudanças dos hábitos de vida.

A enfermeira e professora da turma de enfermagem da Estácio Sergipe, Tatiane Negrão, explica que é importante para o Hospital trabalhar a educação em saúde dos seus funcionários, pois eles também precisam fazer parte da promoção das ações de saúde.

“Quando orientamos um funcionário, como é o caso daqui, se ele estiver sentindo um dos sintomas, já começa a se alertar sobre aquilo que pensava ser uma alteração normal do seu corpo e procura um profissional de saúde”, completa ela.

É importante ficar atento aos sintomas, pois quanto antes a doença for descoberta, maiores serão as chances de cura.